O PSOL (Partido Socialismo e Liberdade) da cidade de Mauá declara apoio irrestrito aos seus militantes André Sapanos e Jean Bueno e lamenta profundamente o fato ocorrido no inicio da noite desta segunda-feira, dia 12/09/2016, no Terminal Municipal de Mauá.

Por volta das 19h30min, André Sapanos e Jean Bueno estavam na fila da bilheteria para comprar seus cartões e assim entrar no terminal, visto que tinham uma reunião para participar. Neste momento um dos seguranças da Empresa BUSFÁCIL chamou a atenção de ambos alertando que os mesmos não poderiam entrar no terminal, pois estavam com adesivos do partido em suas camisas e segundo “ordens superiores” estava proibido. O fato é que vivemos em um pais “democrático” e mesmo em tempos de escuridão, ainda está permitido em lei que as pessoas manifestem suas posições ideológicas/partidárias, através da utilização de camisas, botons, adesivos, bandeiras e adornos com os quais se identificam. Diante da abordagem realizada pelo segurança e do constrangimento que ambos foram expostos,  solicitaram, via protocolo, explicações dos responsáveis pela empresa.

Tanto André Sapanos quanto Jean Bueno e toda militância do PSOL na cidade de Mauá são ferrenhos defensores de um novo modelo de transporte coletivo, onde o direito das pessoas de acesso à cidade não seja objeto de lucro dos barões do transporte, como tem acontecido em nossa cidade. Para, além disso, André Sapanos tem promovido um grande debate na cidade com a apresentação de propostas concretas de mudanças nesse setor, como já fez através de suas intervenções via Comitê Regional Unificado Contra o Aumento das Passagens do Grande ABCDMRR, no uso da Tribuna Livre na Câmara Municipal desta cidade e em entrevistas em emissoras de TV e rádios locais, todas amplamente divulgadas pela imprensa regional.

Em tempos de ruptura do regime democrático e da ascensão de lideranças com pautas totalmente contrárias aos reais interesses da classe trabalhadora, nós do PSOL Mauá jamais iremos compactuar com atitudes que desrespeitam o direito a liberdade de expressar livremente seu posicionamento  ideológico/partidário seja ele qual for.

 

Diretório do Partido Socialismo e Liberdade da cidade de Mauá.
13/09/2016.

nota-em-apoio-aos-companheiros-andre-sapanos-e-jean-bueno

Compartilhar/Favoritos
Publicado em por PSOL Mauá | Deixar um comentário

Nota em apoio ao companheiro André SapanosO PSOL (Partido Socialismo e Liberdade) da cidade de Mauá declara apoio irrestrito ao militante André Sapanos que sofre ameaça de perseguição por parte dos vereadores da cidade de Mauá devido aos fatos que segue:

– No último dia três de maio, André Sapanos utilizou o espaço da Tribuna Livre da Câmara Municipal de Mauá para expor os problemas que os moradores da cidade têm enfrentado com o transporte coletivo. Em sua fala destacou a importância do papel dos vereadores nesse processo de interlocução entre as demandas da população com o poder executivo para solução dos problemas, assim como sua insatisfação nesse quesito. Insatisfação essa que reflete a da população mauaense.

– Para além de fazer as criticas necessárias, André Sapanos fez propostas, tais como a criação do Conselho Municipal de Transporte e Mobilidade Urbana e do Fundo Municipal de Transporte. Vale ressaltar que representando o Comitê Regional Unificado Contra o Aumento das Passagens do Grande ABCDMRR, André e outros companheiros já haviam levado ao conhecimento do Prefeito Donisete Braga estas demandas e em reunião realizada no dia 11/02/2016 o próprio prefeito se comprometeu a realizá-las, conforme noticiado amplamente pela imprensa da região.

– Após se utilizar de seus quinze minutos de fala e visivelmente ter contrariado aqueles que nada fizeram para mudar a triste realidade do transporte coletivo de nossa cidade, o presidente da Câmara Municipal de Mauá declarou a imprensa local que nosso companheiro está equivocado e que as propostas apresentadas por ele já existem na cidade e que alguns vereadores da casa estudam acioná-lo judicialmente por se sentirem ofendidos com as verdadeiras declarações do nosso militante.

Diante dos fatos expostos, o diretório do PSOL Mauá reitera as propostas apresentadas pelo companheiro André Sapanos e questiona o poder público desta cidade sobre a existência do Conselho Municipal de Transporte e Mobilidade Urbana e do Fundo Municipal de Transporte, os quais seus membros são desconhecidos da população mauaense e nunca se apresentaram na luta por melhorias no transporte coletivo desta cidade. Diferentemente deles, nosso companheiro é reconhecido por estar na organização e nas lutas por um transporte coletivo que atenda as demandas da classe trabalhadora. Também repudiamos veementemente às tentativas de intimidação ao nosso companheiro, as quais não irá nos calar tampouco nos intimidará na busca por melhorias em nossa cidade.

Todo apoio e solidariedade ao companheiro André Sapanos.
Nenhuma criminalização aos que defendem os interesses do povo pobre e trabalhador!

Diretório do Partido Socialismo e Liberdade da cidade de Mauá.

10/05/2016.

Publicado em por PSOL Mauá | Deixar um comentário

Venha construir a Mauá que a juventude quer e precisa!

11698407_385213991672719_6452084832501247941_nNo mundo inteiro a juventude tem saído às ruas para demonstrar a sua indignação contra as injustiças do capitalismo e lutar por direitos sociais roubados ou nunca atendidos pela elite mundial! No Brasil muitos jovens também se organizam para lutar por uma outra sociedade! Nesta mesma marcha segue junto a juventude do PSOL! Somos socialistas e libertários, lutamos por uma sociedade mais justa e menos desigual.

Filie-se ao PSOL Mauá.

 

Publicado em DIRETÓRIO MUNICIPAL | Deixar um comentário

CARTA ABERTA A POPULAÇÃO MAUAENSE, AOS VEREADORES E AO PREFEITO sobre o PME (Plano Municipal de Educação);

Diante das discussões do PME (Plano Municipal de Educação), vimos publicamente nos posicionar favorável às questões de gênero e também de orientação sexual nos propósitos do PME de nosso município.PSOL MAUA 2

É preciso reconhecer que a história brasileira foi e é marcada pela marginalização e desigualdades de gênero, em especial, em relação às mulheres que são desvalorizadas, sobretudo quanto à remuneração salarial, ocupação profissional ou participação política. São inferiorizadas por meio dos feminicídios, fazendo do Brasil um dos países com as maiores taxas de violência contra as mulheres no mundo.

Reiteramos também que o PME do nosso município, através de discussões relativas à orientação sexual, deve promover o combate à violência e a discriminação contra a população LGBT, pois defendemos que todas as pessoas,  indistintamente tenham o direito de escolher o caminho que desejam para sua vida, inclusive o de construir família, e neste sentido entendemos que deve ser considerado e respeitado os arranjos familiares que vem se produzindo em nosso país, pois assim, de fato, estaremos construindo uma sociedade mais justa, livre e solidária.

Ter um PME que contemple questões relativas a identidade de gênero e orientação sexual é ter a certeza que iniciaremos um combate aos processos discriminatórios ainda tão expressivos em nossos espaços educacionais, pois infelizmente milhares de jovens da população LGBT desistem de seus estudos devido aos xingamentos, humilhações e até ameaças que ocorrem nas escolas.

Devemos lutar por um PME que contemple tais questões, pois somente assim faremos frente ao sexismo, a misoginia e a lesbo-homo-bi-transfobia. Isto não significa “impor” que as pessoas se tornem homossexuais como já ouvimos falar por parte de pessoas desinformadas e equivocadas, mas que defendemos o respeito a todas as identidades de gênero e orientações sexuais.

Reafirmamos que o papel da escola é contribuir para formação de crianças, adolescentes, jovens e adultos que reconheçam a importância do respeito às pluralidades sejam elas de origem social, cultural, étnico-racial, gênero, orientação sexual, religiosa, nacionalidade, condição física, sensorial e socioemocional, geracional entre outras, com isso auxiliaremos na construção de uma sociedade menos injusta, menos violenta, menos desumana e mais respeitosa, amorosa e pacífica.

Finalizamos alertando que para além deste importante debate também devemos ficar atentos a outras importantes questões, tais como: plano de valorização dos professores, garantia de ampliação do número de crianças atendidas em creches e E.M.E.I’s, redução do número de alunos por sala de aula, entre outros.

PSOL Mauá – Partido Socialismo e Liberdade

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

PSOL terá candidato a prefeito de Mauá nas eleições de 2016.

ø;

O PSOL (Partido Socialismo e Liberdade) definiu a pré-candidatura de André Sapanos ao executivo mauaense em reunião realizada na tarde deste domingo, dia 14/06.

André Sapanos tem 28 anos, é professor de história da rede pública estadual de São Paulo, membro da diretoria estadual da APEOESP (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), além de conselheiro estadual e regional pela subsede Mauá, presidente do PSOL Mauaense, membro do diretório estadual do PSOL, diretor adjunto de comunicação e propaganda da APROFFESP (Associação dos Professores de Filosofia e Filósofos do Estado de São Paulo) e coordenador nacional de comunicação da TLS (Trabalhadores na Luta Socialista).

Em sua trajetória política André Sapanos já foi candidato a vereador (2008), vice-prefeito (2012) e a deputado estadual (2014). Destaca-se por estar ao lado de diversos movimentos populares e, em especial da educação e dos direitos humanos.

Nome de consenso no partido para a disputa ao executivo mauaense, André Sapanos é o mais jovem entre todos os pré-candidatos que se apresentam para a disputa no próximo pleito.

O PSOL passa por reestruturação na cidade e promete ser uma real alternativa de esquerda coerente e consequente a classe trabalhadora.

As convenções para ratificar os nomes, partidos e coligações acontecem somente daqui um ano.

ø;

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

2ª Plenária de Apresentação do PSOL Mauá.

Venha conhecer o PSOL e fortalecer nossas lutas por uma Mauá mais justa e menos desigual.
Participe da 2ª Plenária de Apresentação do PSOL (Partido Socialismo e Liberdade).
Dia: 31 de Janeiro, às 15 horas, no Diretório do PSOL Mauá, sito a rua: Mississipi, Nº 52 – Parque das Américas.
Contato: 95059-8850 (André).

2 PLENÁRIA DE APRESENTAÇÃO PSOL

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

NOTA DE REPÚDIO AO AUMENTO DAS TARIFAS DO TRANSPORTE PÚBLICO NA REGIÃO DO GRANDE ABCDMRR

Esta galeria contém 1 foto.

Nós, do PSOL Regional ABC Paulista (Diretórios Municipais de Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra), expressamos, através da presente nota, nosso repúdio ao aumento das tarifas dos … Continue lendo

Mais galerias | Deixar um comentário

Nota do PSOL sobre cortes de direitos no governo Dilma

Esta galeria contém 1 foto.

Dois dias antes da posse para seu segundo mandato, a presidenta Dilma Roussef anunciou, através do Ministro-Chefe da Casa Civil, alterações nas regras para a concessão de cinco benefícios previdenciários: seguro-desemprego, auxílio defeso, pensão por morte, abono salarial e seguro-doença. … Continue lendo

Mais galerias | Deixar um comentário

PSOL 20 DE NOVEMBRO

 

O dia 20 de novembro relembra a morte de Zumbi dos Palmares, que aconteceu em 1695. Zumbi foi um dos principais líderes do Quilombo de Palmares, em Alagoas, uma das áreas usadas pelos escravos quando fugiam do domínio dos senhores de engenho. A data é considerada como uma ação afirmativa de promoção da igualdade racial e uma referência para a população afrodescendente dedicada à reflexão sobre as consequências do racismo e sobre a inserção do negro na sociedade brasileira.

Passados 319 anos da morte de Zumbi e mais de 126 anos da abolição inconclusa, negros e negras brasileiros ainda enfrentam obstáculos para conquistar sua plena igualdade.

Diariamente vemos o descaso das autoridades com questões relativas à desigualdade racial, que se expressa:

  • Na desigualdade salarial entre negros e brancos;
  • Na perseguição as religiões de matrizes africanas;
  • Na violência policial, que se caracteriza em um verdadeiro genocídio da juventude negra;
  • Na recusa das universidades estaduais a implantarem sistemas de cotas;
  • Na insuficiência de recursos dos orçamentos públicos para os órgãos de combate ao racismo e a promoção da igualdade racial;
  • Pela não efetivação da lei 10.639/03;
  • Pela não implantação de legislações já aprovadas de combate ao racismo, bem como as políticas de inclusão racial.
  • Pelas ações de intervenção urbana que isolam as periferias das grandes cidades, condenando a maioria negra a viver em condições precárias.

Nós, do PSOL Mauá, acreditamos que a luta contra o racismo, contra o extermínio da juventude negra, pobre e marginalizada, contra as desigualdades entre brancos e negros, contra o machismo, sofrido principalmente por mulheres negras, contra a violência policial, entre outras valorosas bandeiras do movimento negro devem ser encampadas cotidianamente e de forma sistemática na tentativa de diminuir tais desigualdades, e por estes motivos, estar nas ruas no dia 20 de novembro é concretizar o sonho de resistência ao modelo capitalista, que visa o lucro e a exploração acima da vida, e garantir que a esperança de uma sociedade mais justa e menos desigual continue viva.

Publicado em por PSOL Mauá | Deixar um comentário

Participe de nossa festa!!!

PARTICIPE DE NOSSA FESTA!!!!

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário