Outro golpe: Serra consegue alterar a lei do Pré-Sal. PSOL votou contra.

pre-salMais um duro golpe deste governo ilegítimo: a Câmara dos Deputados, em meio ao processo de eleições municipais, aprovou a não-obrigatoriedade de participação da Petrobras nos leilões do pré-sal. O significado disso é apenas um: a total privatização de uma das riquezas nacionais mais importantes, alterando sensivelmente a forma de atuação do país na exploração deste bem.

Durante os processos de discussão e deliberação na Câmara, o PSOL se opôs ao que era proposto no projeto de lei de autoria do senador e ex-candidato à presidência José Serra (PSDB-SP) e apresentou voto em contrário. Além disso, requereu que Patrícia Pradal, da petroleira Chevron, fosse ouvida em depoimento. Tendo em vista as informações apresentadas durante o caso WikiLeaks, em que ficou claro que o então candidato à presidência tinha se comprometido a alterar a legislação em favor das empresas estrangeiras.

Com a votação de ontem, o agora ministro José Serra conseguiu seu intento: pôde colocar à venda parte significativa do país, rumo ao entreguismo geral e sem restrições. Nós não vamos nos calar e continuaremos na luta em defesa do patrimônio da nação!