Alckmin transfere dinheiro público para empresas financiadoras de campanhas

GiannaziAo complementar a denúncia já feita dos sucessivos calotes patrocinados pelo governador Alckmin para cima dos servidores públicos estaduais, o deputado Carlos Giannazi reiterou a incoerência do Poder Executivo na alegação de que “falta verba” por conta da “queda de arrecadação”, o que não se sustenta na medida em que o próprio governo tucano adota uma desenfreada política de isenção fiscal a setores da iniciativa privada como o frigorífico, aviário, de combustíveis e de bebidas, dentre outros, que reduz a arrecadação de impostos e transfere estes recursos públicos para empresas.

Além disso, na sessão plenária do dia 30 de junho, o parlamentar destacou informações do texto produzido pelo Sindicato dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo (SINAFRESP) e publicado na imprensa que revelam nomes de empresas beneficiadas com tais benefícios fiscais como sendo também grandes doadoras de campanhas eleitorais da política paulista.