5º Congresso Estadual vota resoluções e elege o companheiro Juninho para presidente do PSOL/SP

juninho_presidenteAconteceu no último domingo, 18/10, o V Congresso Estadual do PSOL-SP. Estiveram presentes cerca de 600 pessoas, entre delegações eleitas e observadores, e representantes de mais de 70 cidades de todo o estado.

A Plenária teve início com homenagens a duas grandes figuras da esquerda brasileira: Plínio de Arruda Sampaio foi lembrado por seu filho, Plínio de Arruda Sampaio Filho, e os presentes ouviram de Lisete Arelaro, ex-diretora da Faculdade de Educação da USP, palavras sobre Florestan Fernandes.

Ainda durante o período da manhã, foram apresentadas as contribuições debatidas nas etapas municipais do congresso, restando para o período da tarde as deliberações políticas para o próximo período de atuação do Diretório Estadual do PSOL, momento em que as divergências foram apresentadas de forma acalorada pelos agrupamentos presentes.

Ao final do dia de atividades, três chapas se candidataram para a composição da nova direção estadual do PSOL. A Unidade Socialista, que apresentou Juninho como candidato a presidente, teve 208 votos, o Bloco de Esquerda teve 141, e a tese “Para o PSOL continuar necessário” foi representada com os votos de 11 presentes.

Juninho é o novo presidente do PSOL-SP
Joselício Junior, o Juninho, é jornalista, tem 29 anos e é militante do Círculo Palmarino, corrente do movimento negro. Milita em Embu das Artes, na Grande São Paulo, e já representou o PSOL como candidato a vereador em 2012 e a deputado estadual em 2014. É pré-candidato à prefeitura de Embu para a próxima eleição.